13/11/08

Velocidade

Escrita rápida de professor, 61 anos
A velocidade ajuda a diagnosticar a rapidez de reacção, o potencial, a estrutura biotemperamental, a intensidade de vida, a agilidade de actuação, de pensamento e de imaginação e a vivacidade do escrevente. Este género é difícil de medir, mas não impossível, porque a rapidez ou a lentidão deixam marcas na escrita. Quando o escrevente está na presença do grafólogo, para medi-la basta cronometrar a quantidade de letras realizadas num minuto e servir-se duma tabela de velocidade aferida para uma população com características semelhantes às do indivíduo a testar.
Em Portugal, não tenho conhecimento da existência de pesquisas neste domínio. Nesta página, mais tarde, apresentarei, os resultados de mais de dois mil testes realizados, junto de crianças e adolescentes em idade escolar sobre este género da escrita. Junto de algumas turmas realizei testes de leitura e de escrita, a fim de poder constatar se haverá alguma ligação entre a velocidade de escrita e de leitura. Seguem-se os principais espécies, com o respectivo significado psicomotor.
  • Espasmódica (demasiado lenta) pode estar conotada com pessimismo, vulnerabilidade, indecisão, ressentimento.
  • Lenta pode apresentar o significado de calma, prudência, afectividade, reserva, introversão, insegurança, observação, vontade fraca, vulnerabilidade, indecisão, atenção dispersa, passividade, dificuldade de coordenação de movimentos, falta de interesse, indolência, cansaço, disgrafia, dislexia, lentidão na aprendizagem, atenção dispersa.
  • Pausada (calma) pode confirmar espírito de observação, precisão, reflexão, ordem, constância, prudência, aplicação, equilíbrio, ponderação, serenidade, calma, conciliação, estabilidade, autocontrolo emotivo, Pai (grafoanálise transaccional), falta de vivacidade, pouca emotividade e pouca sensibilidade, acomodação, conservadorismo.
  • Fluida pode representar espontaneidade, autonomia, boa capacidade comunicação, continuidade de pensamento, desembaraço, disponibilidade, simpatia e habilidade prática.
  • Rápida (dinâmica) pode dar a conhecer o nível de actividade, a criatividade, a originalidade, a agilidade mental, a desenvoltura, a capacidade de resistência, a confiança, o espírito de iniciativa, o dinamismo, a sensibilidade, a flexibilidade, a extroversão, a auto-segurança, a energia, o poder de decisão, a objectividade, a agitação, a inquietude, a impaciência e a inconstância.
  • Precipitada (demasiado rápida) pode referir-se a uma personalidade com vivacidade, intuição, curiosidade, impulsividade, improvisação, imediação, desordem, falta de método, descontrolo, agitação psíquica e nervosa, pressa, irreflexão, precipitação, impaciência, irritabilidade.
Como pode observar pelas características referidas, no meio está a virtude. O excesso de lentidão ou o excesso de rapidez são sempre dois. Pode testar a velocidade a que escreve. Cronometre um minuto (faça antes um pequeno ensaio) e escreva uma frase o maior número de vezes possível. No final conte as letras que conseguiu fazer. A frase poderá ser: As nossas palavras são como um cristal. (frase inspirada em Eugénio de Andrade e por mim utilizada para testar a velocidade). Se escreveu seis ou mais frases, a sua escrita pode considerar-se rápida. Mas, atenção. É preciso ter em conta, entre outros factores, a idade, a profissão, o hábito de escrever, a formação e o tipo de escrita. Por exemplo, quem faça uma escrita grande e arcada precisará de dar mais à mão para fazer a mesma quantidade de letras que outra pessoa com uma escrita pequena e filiforme.

Sem comentários: